Entenda quanto custa abrir um escritório de contabilidade

Muitos profissionais da área contábil que têm um viés empreendedor sonham em se libertar das amarras dos departamentos fiscais corporativos para abrir escritórios próprios. Ser seu próprio patrão, implementar os projetos que acha mais relevantes, expandir seu negócio e se tornar referência no segmento: você também nutre esse sonho? Mas já parou para pensar sobre quanto custa abrir um escritório de contabilidade?

Este post veio justamente para sanar suas dúvidas acerca do tema, mostrando também do que você vai precisar para começar a trilhar seu caminho como empreendedor de sucesso. Acompanhe!

Custos relativos à folha de pagamento

A primeira questão que deve ser analisada ao pensar em abrir um escritório contábil é a estrutura. O ideal é que essa estrutura seja subdividida nas seguintes áreas específicas: fiscal, contábil, pessoal e administrativa. Essa organização implicará na contratação dos seguintes profissionais:

  • assistente de atendimento;
  • analista fiscal;
  • contador;
  • analista de departamento pessoal;
  • auxiliar de serviços gerais.

Acompanhe nosso raciocínio para entender quanto custa abrir um escritório de contabilidade: de acordo com um levantamento da Catho, cuja base de dados é atualizada em tempo real, o salário médio pago pelo mercado a um secretário que trabalha 40 horas por semana fica em torno de 1.400 reais, um analista fiscal tem salário médio de 3.000, um contador, 4.600, um analista de RH, 2.600 e, por fim, um auxiliar de serviços gerais, que recebe em média 1.000 reais mensais.

Supondo que você concentre as atividades de direção (estratégia não recomendada e que, se realizada, deve ser feita apenas nos anos iniciais do escritório), o custo total com salários sairá na faixa de 12.600 reais. E estamos falando apenas do salário bruto de seus funcionários, não incluindo os recolhimentos de ordem trabalhista e previdenciária, que podem aumentar em até 96,75% o valor apurado. No pior cenário, portanto, você teria um custo com pessoal em torno dos 25.000 reais.

Custos com infraestrutura física

De acordo com uma pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o preço do metro quadrado das salas comerciais das cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre registrou queda de 4,16% em 2017. Com isso, você consegue alugar uma sala de 70 metros quadrados no centro do Rio de Janeiro (ou nas regiões mais centrais de São Paulo) por um patamar médio entre 2.200 e 3.000 reais.

Custos com taxas, emolumentos, registros e tecnologia

Ainda se perguntando sobre quanto custa abrir um escritório de contabilidade? Pois além das despesas com pessoal e infraestrutura física, é preciso lembrar que o país da burocracia é repleto de obrigações formais de registro. Para fins didáticos, vamos enumerá-las, ok? Fique de olho!

Registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC)

O contrato social da atividade contábil deve obedecer a algumas questões específicas, como a inserção da responsabilidade técnica da empresa e o tipo de serviço prestado. Além disso, é importante lembrar que os profissionais contábeis devem ter registro ativo no CRC. Após o registro do contrato e a emissão do CNPJ, é preciso retornar ao CRC para apresentar a documentação restante.

Para fins de exemplificação, o cadastro e o restabelecimento de sociedade contábil com 2 sócios no CRC-SP custam atualmente um pouco menos de 700 reais. Anote esse número aí na calculadora.

Registro municipal

Não podemos esquecer da inscrição municipal, que corresponde ao registro da sua empresa junto à prefeitura onde o negócio tem sede. Esse é um momento bastante importante, uma vez que um enquadramento equivocado pode resultar em cobrança incorreta de tributos ao escritório contábil.

Na maior parte dos escritórios, inscrever-se como Sociedade Uniprofissional (SUP) é vantajoso, uma vez que esse modelo possibilita à empresa recolher o ISS de acordo com o número de profissionais habilitados e não em razão do faturamento.

Cadastro no Sindicato Patronal correspondente

Entender quanto custa abrir um escritório de contabilidade passa também pelo conhecimento da necessidade de se filiar ao Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Sescon) de seu estado.

Lembrando que a contribuição associativa ao Sescon varia de acordo com a unidade federativa. Mesmo assim, com o objetivo de ter em mente valores mensais mais claros, seria interessante dar uma olhada neste link do Sescon do Rio de Janeiro.

Obtenção de certificação digital

Na era da contabilidade digital, você deve estar preparado para assinar balanços e enviar obrigações acessórias ao Fisco por meio de assinatura digital. Busque uma autoridade certificadora para estudar todos os passos e custos para a obtenção da sua certificação digital. Esse investimento não pode ser esquecido das contas ao apurar quanto custa abrir um escritório de contabilidade.

Implementação de um sistema de gestão contábil

Por fim, o item mais importante. Em um país que tem 63 tributos e 97 obrigações acessórias e em que as empresas gastam, em média, 1.958 horas e 60 bilhões de reais ao ano com o cumprimento das obrigações tributárias, ter um sistema de inteligência fiscal para dar mais eficiência ao escritório de contabilidade é muito mais que um luxo. Trata-se, na verdade, de uma obrigação básica de quem deseja se profissionalizar e ser reconhecido no mercado pela excelência dos serviços prestados.

Um software contábil atualiza a legislação, realiza a apuração de tributos de forma automática, dispara alertas quanto à proximidade de datas limítrofes para a entrega de declarações, entre outras diversas facilidades. É, assim, absolutamente indispensável.

Outros custos de um escritório contábil

Integração

Muitos escritórios se integram com outros setores (advocacia, consultoria ou assessoria imobiliária, por exemplo) para baratear os custos e prover maior potencial de captação de clientes. Para tomar uma decisão de impacto como essa, no entanto, é preciso estudar com atenção o mercado, avaliando a oferta desses serviços em sua região, o público disponível e a redução de despesas.

Localização

Outra questão relevante para quem deseja saber quanto custa abrir um escritório de contabilidade é entender que os custos mensais variam significativamente a depender da localização escolhida.

Mesmo em uma era de SPED Fiscal, é preciso ponderar que, muitas vezes, seus funcionários terão que se dirigir a unidades da Receita Federal, a uma Junta Comercial, ao Conselho Regional de Contabilidade e assim por diante. Assim, posicionar-se próximo a esses pontos estratégicos pode reduzir significativamente os custos (fixos e variáveis) da empresa.

Agora que você compreendeu quanto custa abrir um escritório de contabilidade, aproveite para saber tudo sobre a importância de implementar um sistema de alta performance para contadores!

Related Posts

Por que automatizar sua escrituração fiscal?

Alterdata Software investe em startups de funcionários

Monitoramento de áreas comuns: como fazer em...

Deixe uma resposta