NOVO! Confira o último episódio do podcast Contabilidade sem neura Ouvir agora
Tecnologia

O que é multicloud e para que serve essa estratégia? Entenda aqui!

5 Mins de leitura

Você já ouviu falar em multicloud? Bem, antes de conceituar o termo, é interessante trazer uma breve definição da computação em nuvem, ou cloud computing. Trata-se de um serviço ofertado na internet sob demanda, com funcionalidades de armazenamento e de processamento de dados.

A partir disso, fica mais fácil compreender a multicloud, que, por sua vez, é justamente a utilização desses serviços e dos seus respectivos fornecedores de forma distinta. Ou seja, em vez de haver a contratação de uma única empresa que oferece cloud computing, diferentes companhias e/ou serviços são contratados.

Essa estratégia, na verdade, objetiva atender às variadas demandas de uma organização, com o gerenciamento dos diversos serviços em um mesmo local, o que assegura uma melhor performance e outras vantagens. Considerando o quão interessante essa solução pode ser, elaboramos este post reunindo as informações mais relevantes sobre o tema. Vamos conferir?

Quais são as principais características da estratégia multicloud?

Quando se fala em multicloud, é interessante ter em mente que existe um universo de possibilidades. Para o departamento contábil de uma organização, por exemplo, essa solução pode incluir a utilização de provedores de infraestrutura como serviço (IaaS) para cargas de trabalho distintas e uma plataforma como serviço (PaaS) pública para a testagem de aplicativos novos em nuvem. A seguir, veja algumas das principais características da multicloud!

Celeridade

Empresas de âmbito global têm a chance de ter acesso a serviços mais rapidamente com a escolha de diversos fornecedores locais nas regiões em que atuam. Até porque, quanto mais próximo está o datacenter, menor é a latência. Além disso, a utilização de um provedor do serviço local reduz o tempo de resposta diante de atividades de mais alta prioridade.

Flexibilidade e abertura para inovações

Quando é feita a adoção de uma estratégia multicloud, dentre os inúmeros benefícios, é possível destacar a distribuição da possibilidade de haver falhas em distintos fornecedores e, como um “plus”, uma empresa que opta por esse tipo de solução passa a ter acesso a uma diversidade de inovações, sem se manter limitada aos serviços que um único prestador oferece.

Economia de recursos

Uma grande parcela de empresas que utilizam a multicloud faz uso da nuvem para IaaS, tirando um maior proveito dos pontos fortes de cada um dos provedores contratados. A grande vantagem nisso reside na oportunidade de os usuários construírem um datacenter virtual em cloud, dispensando a necessidade de haver equipamento físico. Isso, por consequência, também gera economia de dinheiro e tempo, haja vista que o fornecedor assume a responsabilidade de manter, gerenciar e atualizar o datacenter.

Como é o funcionamento da multicloud?

A estratégia multicloud tem como base o tripé formado pelas nuvens híbrida, pública e privada. A primeira combina as duas abordagens seguintes, consistindo em um serviço de cloud pensado a partir de políticas de provisionamento, uso e gestão. Logo, é uma solução que abarca mais de uma opção de nuvem, de forma que são usados dois tipos de infraestrutura.

Já no segundo modelo, a oferta de serviços é pública, de modo que se faz disponível a quaisquer pessoas que queiram usar. O último, por sua vez, envolve os serviços que são prestados por uma rede interna, então, somente usuários determinados podem acessar.

Partindo desse entendimento, torna-se mais fácil assimilar o funcionamento da multicloud, pois uma organização que faz uso dessa solução pode, por exemplo, movimentar dados de uma rede pública para uma rede privada — e vice-versa — de modo altamente seguro.

Para que servem as nuvens múltiplas?

Complementando o que foi explanado acima, com a adoção da multicloud — ou nuvens múltiplas —, passa a haver mais confiabilidade, maior disponibilidade, facilidade nas operações e riscos de perda de dados reduzidos. Além disso, a solução entrega:

  • maior capacidade de armazenamento;
  • mais eficiência na utilização dos serviços;
  • viabilidade de atendimento a demandas sazonais;
  • melhor aproveitamento da velocidade.

Basicamente, o que é determinante para a adoção da solução é a filosofia que a empresa sustenta aliada aos objetivos corporativos. Isso porque, de maneira geral, a utilização das nuvens múltiplas permite o atendimento a especificações técnicas distintas e um alto desempenho combinado com um baixo custo e escalabilidade.

Quais são as vantagens da estratégia?

Muitos dos benefícios que a estratégia multicloud oferece já acabaram por ser mencionados ao longo do post, mas é possível dar destaque a outras vantagens de igual relevância e que, juntamente à possibilidade de se escolher entre os diferentes serviços disponibilizados no mercado, agregam grande valor à solução, como:

  • mais autonomia: o uso de nuvens múltiplas possibilita que uma empresa estabeleça uma relação com os provedores contratados, havendo maior autonomia no gerenciamento dos serviços prestados, já que passa a ser viável, por exemplo, definir como e quando empregar cada um dos recursos disponibilizados;
  • conformidade com a legislação vigente: a adoção da multicloud pode estar diretamente relacionada à obrigatoriedade de cumprimento de uma determinação legal, haja vista que, a depender do tipo de empresa, pode ser uma exigência governamental a guarda de dados em território nacional;
  • redução expressiva de interrupções: a utilização de ambientes multicloud permite diminuir (ou até mesmo eliminar por completo) as eventuais interrupções. Isso porque, com essa solução, é viável que as organizações mantenham backups dos seus dados e dos fluxos de trabalho — por exemplo, caso a nuvem principal, por qualquer razão, fique temporariamente inativa.

Como aplicar a multicloud na empresa?

A aplicação da solução multicloud é especialmente interessante quando a organização tem dificuldade de encontrar um provedor que consiga atender a todas as suas necessidades ou quando, por exemplo, os usuários do sistema estão fisicamente distantes da empresa — no caso de haver filiais espalhadas pelo país.

Nesse contexto, é recomendável fazer a guarda de dados em provedores regionais, que estão mais próximos. Contudo, como qualquer implementação, é necessário ter atenção para assegurar que o processo esteja fundamentado em três principais cuidados, que são:

  • o emprego automatizado das políticas existentes;
  • a visibilidade dos recursos mais simplificada;
  • a gestão dos diversos ambientes centralizada.

Como você pôde ver, não há dúvidas de que a adoção da estratégia multicloud pode beneficiar uma empresa em diversos aspectos, viabilizando o acesso aos melhores serviços, diminuindo a dependência de um provedor único, implicando custos mais reduzidos etc.

Logo, se a implementação da multicloud faz sentido diante das demandas do seu negócio, realize um planejamento que leve em conta suas prioridades corporativas e passe a fazer um bom proveito de todo o potencial que as nuvens múltiplas podem oferecer, otimizando o funcionamento da sua organização e, consequentemente, potencializando seus resultados.

Agora, que tal aproveitar a visita ao blog e entender, por meio de um guia completo, como é o funcionamento de um ERP na nuvem? Não perca a leitura!

146 Artigos

Sobre o autor
Diretor da Vertical Contábil da Alterdata.
Artigos
Artigos relacionados
AlterdataTecnologia

Verdadeiro ou Falso da LGPD: "O aceite da política de privacidade é forma de coleta de consentimento"

4 Mins de leitura
00Se você caiu de paraquedas nesse artigo, recomendamos que olhe as postagens anteriores sobre a LGPD para entender melhor sobre o que…
Tecnologia

Trabalho remoto: como fazer segurança de dados

4 Mins de leitura
00Estamos passando para uma das fases mais difíceis não só de saúde, mas nos negócios e economia em geral. Diante desta dificuldade…
Tecnologia

Inteligência Artificial na contabilidade: confira as principais tendências

4 Mins de leitura
00Não é nenhuma novidade que a tecnologia está trazendo transformação digital aos mais diversos segmentos do mercado e, com isso, gerando novas…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.