NOVO! Confira o último episódio do podcast Contabilidade sem neura Ouvir agora
Supermercado

Como gerenciar a Curva ABC de produtos no seu supermercado

4 Mins de leitura

A curva ABC, também conhecida como diagrama de Pareto, é um método criado para classificar os itens que são necessários para trazer receita e lucratividade para uma empresa. Justamente por isso, a metodologia é muito utilizada para a administração de supermercado, sendo ensinada em diversos cursos da área.

O método pode ser usado não apenas por grandes supermercados, mas também por estabelecimentos menores, como minimercados e mercearias, dentro de suas proporções. Para isso, o recomendado é que sejam usados softwares de gestão que facilitem a adoção da metodologia.

Para que você saiba como gerenciar a curva ABC de produtos no seu supermercado, bem como entender mais sobre como esse método funciona e quais são as suas vantagens, desenvolvemos este conteúdo. Siga a leitura e esclareça as suas dúvidas sobre o tema!

O que é a curva ABC?

A curva ABC é uma metodologia de gestão, criada pelo economista italiano Vilfredo Pareto. É por isso que em alguns livros e sites ela também aparece com o nome de “diagrama de Pareto”.

O conceito do método é bastante simples! Em seus estudos, Pareto observou que, na análise de vários eventos, observava-se uma recorrência de valores. Para o teórico, quase sempre 20% das causas de um acontecimento são responsáveis por 80% dos seus efeitos.

Em um supermercado, portanto, o método pode ser empregado para otimizar o estoque, repor as prateleiras com os produtos que mais vendem e, dessa forma, aumentar os lucros do estabelecimento.

Como aplicar o diagrama de Pareto em um supermercado?

Em um supermercado, o diagrama de Pareto pode ser utilizado para que o responsável pelas compras dos produtos possa conseguir se guiar e saber o que deve ou não comprar, assim como estipular as quantidades.

Para aplicar a metodologia, é preciso classificar os produtos vendidos nos estabelecimentos em três categorias: A, B e C. Essa classificação é feita de acordo com o retorno financeiro que os itens trazem.

Existem alguns produtos que vendem pouco, mas representam uma grande entrada de lucros para o supermercado. Tais itens, que geram 80% das receitas do supermercado, devem fazer parte da categoria A.

Já a categoria B inclui os produtos que representam 15% do faturamento do supermercado. Por sua vez, os itens da categoria C trazem apenas 5% de faturamento.

Ao entender quais itens fazem parte de cada grupo e geram mais lucros para o estabelecimento, fica muito mais fácil de otimizar as compras e também de fazer o controle de estoque.

Dessa maneira, o gestor do supermercado saberá quais são os itens que jamais devem faltar no estabelecimento, já que trazem mais lucro. Isso não quer dizer, no entanto, que produtos que fazem parte da categoria C podem ser escassos nas prateleiras.

Muitas vezes eles não trazem muito retorno financeiro, mas servem como chamariz de clientes para o supermercado. Ter esse raciocínio também é muito importante.

Quais são os principais benefícios dessa metodologia?

Além do controle de estoque e planejamento de compras, a metodologia ABC também traz outros benefícios para a gestão estratégica do negócio. Veja, a seguir, as principais delas!

Definição de estratégias de marketing promocional

A curva ABC ajuda nas estratégias de marketing promocional, tendo em vista que as classificações de produtos, assim como as taxas de consumo de cada categoria, podem ser utilizadas para criar promoções.

Imagine a seguinte situação: um supermercado percebeu que os pacotes de macarrão trazem pouco retorno financeiro e fazem parte da categoria C. Porém, o item é muito procurado e vende bastante, mas mesmo assim a lucratividade é baixa.

Em contrapartida, o queijo ralado é um produto que não vende muito, mas traz um potencial de lucro bem maior para o estabelecimento, se enquadrando na categoria A. Além disso, se observou que muitas pessoas compram esse item para preparar pratos, como a macarronada.

Logo, se você fizer uma promoção de macarrão, um produto que é muito procurado e traz pouco lucro, poderá automaticamente fazer crescer a venda do queijo ralado, que traz mais dinheiro para seu caixa. Interessante, não é mesmo?

Redução de riscos

A curva ABC também ajuda na redução de riscos. Isso porque é possível mapear quais são os produtos que trazem mais lucratividade e buscar mais fornecedores para esses itens.

De tal maneira, você garante que os produtos A nunca faltem nas suas prateleiras, assim como os das categorias B e C, que servem para atrair clientes.

Redução do desperdício

Com o estoque mais controlado, se evita o desperdício, por conta do vencimento de produtos antes de serem vendidos. Isso acontece porque as compras serão mais planejadas, de acordo com as preferências do consumidor.

Além disso, a curva ABC facilitará a organização dos produtos no estoque. A ideia é que seja mais simples de adotar metodologias como a PEPS (Primeiro que Entra, Primeiro que Sai).

Como as funcionalidades da curva ABC podem ser usadas em um ERP?

Como você pode perceber, a curva ABC é muito interessante de ser acompanhada pelos gestores de supermercado, tendo em vista todos os benefícios que ela proporciona. No entanto, controlar tudo isso na ponta do lápis é um tanto quanto complicado.

É por isso que os processos manuais devem ser deixados de lado e as apostas devem ser na automação. os ERPs, como o da Alterdata, são a melhor alternativa para que se possa aplicar o diagrama de Pareto em um supermercado.

O ERP da Alterdata analisa automaticamente a curva ABC do supermercado e gera relatórios completos, independentemente do tamanho do seu mix de produtos.

Assim sendo, você consegue saber quais são os principais produtos do seu supermercado, quais são os que trazem mais lucro e os que têm maior giro. Logo, conseguir bons resultados com as vendas será possível, de forma presencial ou pelo WhatsApp Business.

Pronto para colocar em prática o que aprendeu sobre a curva ABC no seu supermercado? Nós estamos à disposição para ajudá-lo e esperamos que este conteúdo tenha sido bastante útil para você.

Outros conteúdos interessantes como este podem ser encontrados em nossas redes sociais. Para acompanhá-los, siga os nossos perfis no Twitter, no LinkedIn, no YouTube, no Facebook e no Instagram. Eles sempre são atualizados com novidades interessantes para o setor supermercadista.

207 Artigos

Sobre o autor
Diretor da Vertical de Gestão da Alterdata.
Artigos
Artigos relacionados
SupermercadoVarejo

Sistema para supermercado: como escolher?

5 Mins de leitura
Veja um passo a passo sobre como escolher sistema para supermercado e não errar no momento da contratação!
Supermercado

Como definir o sistema de caixa de supermercado da sua loja?

5 Mins de leitura
Conheça o sistema de caixa de supermercado da Alterdata e saiba como ele pode auxiliar no sucesso do seu negócio!
Supermercado

Qual o melhor software para supermercado?

5 Mins de leitura
Seu mercado cresceu e a tecnologia pode ajudá-lo a se desenvolver ainda mais. Veja como escolher o melhor software para supermercado!

2 comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.