4 dicas para criar um planejamento estratégico empresarial de sucesso

O planejamento estratégico empresarial deve ser visto pelos administradores de empresas como uma espécie de guia que serve para nortear as ações tomadas em todos os segmentos da organização, desde a alta cúpula administrativa até os cargos mais baixos. É por esse motivo que saber como fazer um bom planejamento é tão importante.

Se você não tem noção de como fazer um planejamento estratégico eficiente, não se preocupe, pois nós temos quatro dicas para você montar o seu, alcançando o sucesso para a sua organização. Confira!

1. Defina uma estrutura organizacional

A primeira coisa que deve ser feita para se ter um planejamento empresarial de sucesso é a definição da estrutura hierárquica organizacional. Desse modo, os gestores e todos os colaboradores da organização saberão exatamente qual é o seu papel, facilitando a criação de estratégias para cada grupo de pessoas.

Um dos modelos mais utilizados de estrutura organizacional é o proposto pelo estudioso da administração, Henry Mintzberg, que divide as empresas em seis partes: ápice estratégico, linha intermediária, núcleo operacional, equipes de apoio, tecnoestrutura e ideologia.

2. Aplique o ciclo PDCA

É preciso ter em mente que o planejamento estratégico tem um processo cíclico, portanto, não pode ser elaborado e simplesmente esquecido em uma gaveta, deixando de ser utilizado durante muito tempo. É preciso que seja aplicado o ciclo PDCA.

De acordo com essa metodologia, cabe ao responsável pelo planejamento empresarial planejar (plan), executar (do), verificar as estratégias (check) e agir (action). Esse ciclo é conhecido por alguns como o ciclo da melhoria contínua.

3. Defina e divulgue as diretrizes organizacionais

Antes de iniciar o planejamento, é essencial que sejam bem definidas as diretrizes organizacionais da empresa, ou seja, sua missão, visão e valores. São esses princípios que devem nortear a empresa sobre os caminhos que devem ser seguidos por todos.

É por esse motivo que as diretrizes não podem ser apenas criadas e esquecidas, elas devem ser fixadas em murais, impressas em cartilhas, em materiais de intranet, entre outros, para que todos os funcionários tenham conhecimento de sua existência e saibam como segui-las.

4. Crie uma matriz SWOT

Finalmente, chegamos à etapa da matriz SWOT (no Brasil também chamada de FOFA — Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças), que é a base para qualquer tipo de planejamento empresarial. A ideia é que os responsáveis pelo planejamento façam um levantamento dos pontos fortes e pontos fracos, bem como as ameaças e oportunidades do cenário em que a empresa está inserida.

A partir desses dados, deve-se realizar um cruzamento, formando a matriz SWOT. Com os dados cruzados, devem ser criadas estratégias para que os pontos fortes sejam utilizados ao máximo, amenizando assim os pontos fracos, e para que as oportunidades sejam sempre muito bem aproveitadas, evitando o crescimento das ameaças.

Com o planejamento estratégico empresarial você irá conseguir desenvolver estratégias para sua empresa crescer, manter o crescimento e sobreviver em meio a cenários mais críticos, como crises financeiras e políticas, por exemplo.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Quer contribuir conosco de alguma forma? Deixe um comentário no espaço abaixo e compartilhe a sua experiência com nossos demais leitores.

Related Posts

6 estratégias para aumentar o lucro do restaurante

[INFOGRÁFICO] Entenda o que é ERP e como funciona...

#FeitadeGente – Elisangela e Charles

Comments

  • criarblogpro.com.br
    23/04/2018 at 08:58

    Interessante e direto ao ponto, obrigado

    • alterdata
      24/04/2018 at 09:03

      Valeu pelo feedback! 🙂

Deixe uma resposta