NOVO! Confira o último episódio do podcast Contabilidade sem neura Ouvir agora
Material de Construção

6 dicas de como organizar uma loja de material de construção

5 Mins de leitura

Embora as redes sociais ajudem a divulgar produtos para fazer obras, reformas e decoração de casas, é na loja de material de construção que o cliente se sente mais convencido a realizar uma compra. Pois é ali que, de fato, ele consegue visualizar o produto como um todo. Nesse sentido, saber como organizar uma loja de material de construção é uma estratégia essencial para o sucesso das vendas.

Alguns elementos podem ser considerados para deixar a loja organizada. Por exemplo, é preciso não manter setores e corredores acumulados, permitindo que o fluxo do cliente na loja seja mais fluido. Bem como é indicada a restruturação geral, desde a fachada até o estoque do estabelecimento. 

Quer saber mais detalhes sobre esse assunto? Acompanhe este texto e conheças dicas primordiais de como deixar a loja de material de construção bem arrumada para atrair ainda mais clientes e aumentar o faturamento. Confira!

Confira as formas de como organizar uma loja de material de construção

1. Comece organizando a fachada

Para iniciar o aprendizado de como organizar uma loja de material de construção, o ponto de partida é a fachada do estabelecimento. Muitas vezes, com o objetivo de angariar clientes, o empresário cria uma espécie de mostruário na porta do local. E, na maior parte das vezes, o que seria um atrativo, acaba sendo um desestímulo para o consumidor devido à poluição visual criada por produtos desorganizados na porta da loja.

É o caso, por exemplo, de churrasqueiras, amostras de janelas e tanques obstruindo a passagem para entrada da loja e também a visualização da vitrine, presente em alguns estabelecimentos. Portanto, o lojista deve permitir que a fachada da sua loja tenha uma aparência equilibrada, capaz de atrair seus consumidores sem causar confusão visual.

Dessa forma, no caso das vitrines, é preciso reorganizar produtos expostos, adesivos colados no vidro e comunicados de ofertas da loja. Tudo tem que estar em perfeita harmonia, para que quem transita pelo lado de fora tenha uma visão nítida do que está sendo exposto no interior da loja.

2. Separe os produtos por famílias

Pode acontecer de o logista ter uma boa variedade de produtos, mas a maneira pela qual eles são expostos não chama atenção do cliente. Por isso, outra dica de como organizar uma loja de material de construção é separar os produtos por família. 

Por exemplo: as cerâmicas para revestimento devem estar juntas, distribuídas em expositores específicos e bem iluminados, para que o consumidor consiga ver e escolher o que mais está de acordo com o seu planejamento.

Assim como vale a penas separar as famílias de tintas para acabamento. Essas podem ser agrupadas em estantes de forma que o cliente consiga ter uma visão ampla daquilo que ele necessita. Sem contar as conexões hidráulicas, que devem ser separadas por tamanho e funcionalidade. 

Ainda falando sobre melhorar a visualização dos produtos, é importante considerar a exposição dos fios e cabos. Esses, muitas vezes, estão dispostos de forma desorganizada, trazendo uma aspecto de amontoado em cantos da loja. Isso dificulta o consumidor escolher qual fio que mais lhe agrada.

Nesse sentido, é importante investir em expositores adequados que possuem carretéis onde o cliente tenha mais facilidade para escolher a bitola que ele necessita e, até mesmo, o padrão de fiação de acordo com aplicação. 

3. Cuidado com acúmulo de objetos pela loja

Por mais que lojista tenha se esforçado para organizar um determinado mostruário ou gôndola, é comum que, na rotina da loja, possa acontecer o acúmulo de outros objetos na frente desses espaços expositivos.

Os objetos empilhados acabam obstruindo não apenas a visão desses locais, mas também impede a passagem dos clientes através da loja. Nesse caso, o lojista deve fazer a retirada desses objetos que obstruem o espaço e orientar quanto a devida localização. 

Esse procedimento pode ser facilmente combinado com a equipe de funcionários. Por exemplo, pode ficar acordado que, antes abrir a loja ou fechar o expediente, esses objetos devem ser colocados no seu devido lugar. Inclusive, vale a pena disponibilizar para equipe uma espécie de material informativo de como organizar uma loja de material de construção.

4. Manter a limpeza do ambiente

Para saber como organizar uma loja de material de construção, é preciso compreender que limpeza também é fundamental!

O cliente, quando vai à loja de material construção, tem a chance de imaginar como aquele produto ficaria em sua casa ou projeto. Mas, muitas vezes, é comum encontrar produtos expostos que estão cobertos de poeira e outras sujidades. Isso dificulta no processo de interesse do cliente. 

Sendo assim, é importante, durante a organização da loja, realizar a limpeza desses objetos. De preferência, montando ambientes que criam uma simulações de como aqueles produtos podem ficar. Por exemplo, organizar a parte de torneiras para cozinha com ladrilhos e bancadas.  

5. Não ignore o estoque

Embora não esteja visível ao cliente, o estoque também deve estar entre os lugares para serem considerados na lista de como organizar uma loja de material de construção.

Tenha uma especial atenção para o pátio de manobra, onde é feito o descarregamento de mercadorias. Esse local deve conter produtos básicos, como tubos e madeiras organizados para facilitar a retirada da mercadoria após a realização da compra pelo cliente.

Isso garante agilidade no processo de retirada do produto e no envio deste para o veículo do cliente. Portanto, considere esse aspecto de como organizar uma loja de material de construção.

6. Capriche na sinalização de corredores e na precificação

como organizar uma loja de material de construção

Outra dica de como organizar a loja de construção de material de construção é investir na sinalização dos corredores. É preciso que o cliente passe por corredores largos, sem obstrução, ao ponto de conseguir, por exemplo, caminhar com carrinho ou cestinha de forma livre entre os corredores. Apostar em placas indicativas, como para a saída, caixas e setores, auxiliará muito neste processo!

Também é importante que todos os produtos estejam precificados da maneira correta, inclusive nas gondolas. Isso ajuda o cliente a decidir seu produto e não cria constrangimento quando passar no caixa e o preço estiver diferente. Além disso, evita do cliente precisar perguntar ao funcionário se ele poderia verificar o preço. Portanto, invista em um bom sistema para a sua loja.

Essas foram algumas informações sobre como organizar uma loja de material de construção.  Para ter ainda mais sucesso neste tipo de negócio, é fundamental pesquisar sobre seu público-alvo. Por exemplo, a clientela predominante é de pessoas que optam por reformar a casa de contra própria ou de profissionais especializados em construção civil? Saber dessas informações ajuda a criar estratégias de vendas que efetivamente funcionam com seu público, inclusive eventualmente para quando colocar a loja à venda.

Quer ficar por dentro de mais dicas como essas? Curta a nossa página no Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e LinkedIn.

45 Artigos

Sobre o autor
Joseph Spiegel - Diretor Gestão e Vertical Moda da Alterdata
Artigos
Artigos relacionados
Material de Construção

Saiba como montar uma pequena loja de material de construção

4 Mins de leitura
Está com dúvidas sobre como montar uma pequena loja de material de construção? Confira as dicas que separamos para você!
Material de Construção

Entenda como montar um depósito de material de construção

5 Mins de leitura
Acompanhe as dicas de como montar um depósito de material de construção e fazer um gerenciamento inteligente
Material de Construção

7 cuidados com uma loja de material de construção à venda

5 Mins de leitura
Você está pensando em adquirir uma loja de material de construção à venda? Se sim, venha conosco e confira 7 dicas para ter mais tranquilidade na escolha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.