Varejo

7 dicas para quem quer saber como montar um açougue

5 Mins de leitura

Muito dificilmente você vai encontrar vazio, sem clientes, um açougue que vende carnes de qualidade. Isso porque esse é um tipo de negócio que tem alta demanda, atingindo os mais variados públicos e com uma frequência diária. E se bem administrado, pode ser um verdadeiro sucesso. Mas para chegar a este ponto, é necessário saber como montar um açougue.

No início, começar do zero esse empreendimento pode parecer difícil. Principalmente para quem não conta com apoio ou conhecimentos amplos da área. Mas conhecer algumas dicas deixa tudo mais fácil e com alta chance de dar certo desde os primeiros meses.

Quer saber mais detalhes? Acompanhe este texto e conheça dicas fundamentais para abrir um açougue. Saiba como escolher a localização do estabelecimento, estruturar o ponto comercial e montar a equipe de trabalho, dentre outros aspectos.

1. Procure um bom ponto comercial

A primeira dica sobre como montar um açougue trata do fundamental: seu ponto. Um açougue que vende bem é aquele que recebe um grande fluxo de pessoas. Assim, é recomendado que a localização do açougue seja em grandes bairros, atingindo o público local, ou em pequenos bairros que não contem com este tipo de comércio. Também vale a pena escolher um lugar que intercruza avenidas. Esses logradouros têm bastante tráfico de pessoas e veículos.

Além disso, a estrutura do ponto comercial precisa de uma atenção especial. O ideal é que ele tenha tamanho acima de 80m², a fim de que os equipamentos sejam colocados com espaço suficiente e os colaboradores trabalhem de modo confortável.

Nesse espaço, devem ser alocados todos os materiais necessários. Alguns deles são a câmara fria, a mesa e o espaço para desossa. Além de um lugar para exposição de mercadorias e para a caixa registradora.

Outra consideração em relação ao ponto comercial é que ele tem que ser fácil de limpar. É preciso, afinal, passar imagem de higiene e limpeza, atendendo todas as exigências da Vigilância Sanitária. Algumas delas são o teto forrado, piso de cor clara, paredes com tinta lavável ou azulejos. Mas é sempre importante entrar em contato com a Vigilância Sanitária local para verificar quais as exigências específicas da sua cidade.

2. Considere o valor de investimento

Seguindo nos tópicos sobre como montar um açougue, precisamos falar de dinheiro. É importante que você saiba que o valor de investimento pode variar de acordo com a estrutura, os equipamentos necessários e o volume de vendas, além de gastos complementares, como a reforma do ponto comercial.

Mas, em média, o investimento varia de 25 a 30 mil reais para um açougue pequeno e que considera a compra de maquinários novos. Já se for optado por comprar equipamentos usados, esse valor pode ter redução de 40%. No entanto, para saber ao certo o valor do investimento, é fundamental conhecer quais as características que você quer que seu estabelecimento tenha.

3. Tenha um bom capital de giro

Considera-se capital de giro o valor que deve ser reservado para garantir que o açougue funcione quando o fluxo de caixa for insuficiente para realizar os pagamentos do dia a dia. Isso pode acontecer e é comum por muitas razões.

Por exemplo, no primeiro mês de funcionamento é preciso realizar o pagamento dos pedidos de forma adiantada. E nesse momento, ainda não se tem o lucro das vendas que foram pagas em cartão de crédito pelo cliente.

Então, já é esperado que o lucro no primeiro mês não seja tão positivo quanto os próximos. Por isso que, para esses momentos, saber como montar um açougue de forma correta é fundamental, considerando o capital de giro.

De modo geral, o gestor do açougue deve separar entre 10 a 15% de investimento para destinar ao capital de giro. Mas é importante destacar que é preciso considerar a realidade de cada negócio e as variáveis que incidem sobre ele. Assim, o valor do cálculo de giro pode ser feito de maneira mais assertiva.

4. Encontre bons fornecedores

O know-how de como montar um açougue de sucesso passa pela escolha dos fornecedores. O açougue consegue sempre estar com a clientela fidelizada quando tem bons fornecedores de carnes. Afinal, qualidade e bons preços são fundamentais para manter as vendas em alta.

Sendo assim, elabore uma lista dos principais fornecedores. Talvez seja interessante começar buscando por fazendeiros da sua região que oferecem carne. Trabalhar com esses fornecedores locais pode facilitar na hora de negociar valores e encontrar carnes de boa qualidade.

5. Não esqueça de seu diferencial competitivo na hora de como montar um açougue

Nem todo consumidor consegue identificar os tipos de carne que levam para casa. Então, alguns açougues acabam não entregando exatamente a carne solicitada pelo consumidor. Essa tramoia não deve estar, de maneira alguma, na lista de atitudes de como montar um açougue.

Isso porque a fidelidade do cliente satisfeito que confia no estabelecimento garante maior sucesso a longo prazo do que um ganho financeiro imediato e trapaceiro. Por isso, é importante caprichar no atendimento, realizar os cortes das carnes diferenciados, aprimorar na qualidade dos produtos. Esses são alguns elementos do diferencial competitivo para ter sucesso nesse negócio.

6. Monte uma equipe de trabalho adequada

como montar um açougue

Além de todos os equipamentos, saber como montar um açougue passa pela escolha da equipe de trabalho. É preciso contratar colaboradores que vão trabalhar no atendimento do balcão, na preparação e manuseio da carne. Nesse caso é importante que eles tenham boa experiência em trabalhar com carnes, sabendo identificar a procedência e a qualidade da carne.

Também é fundamental que eles sejam treinados para fazer a higienização correta dos equipamentos e do local de trabalho. Mas isso não basta. O toque especial é contratar colaboradores que tenham simpatia e estejam de acordo com o perfil da empresa. Afinal, não se pode ter um funcionário que trabalha de maneira zangada ao longo da rotina de trabalho. Isso pode comprometer a satisfação do cliente.

7. Providencie a documentação correta

Para montar um açougue montar também é preciso estar de acordo com a legislação. Isso requer um auxílio especializado, de alguém que consiga elaborar, verificar e encaminhar toda a documentação necessária para abrir esse negócio.

Por exemplo, seria recomendável buscar ajuda de um contador para oriente sobre aspectos legais da abertura de uma empresa. Esse profissional pode indicar também como realizar o registro na junta comercial, a inscrição do CNPJ, o registro na Secretaria da Fazenda, dentre outras providências.

Essas foram algumas informações sobre como montar um açougue. É importante também ficar de olho na concorrência. Observar como é a movimentação de pequenas mercearias, supermercados e mercadinhos de bairro. Analisar esses empreendimentos ajuda a saber onde se diferenciar para conquistar a clientela.

Quer conhecer mais dicas para o sucesso do seu negócio? Leia os artigos do nosso blog.

300 Artigos

Sobre o autor
Diretor da Vertical de Gestão da Alterdata.
Artigos
Artigos relacionados
Varejo

Entenda como aumentar o ticket médio de vendas de uma papelaria

4 Mins de leitura
Descubra aqui quais são as melhores estratégias para aumentar o ticket médio de vendas do seu negócio.
Varejo

Conheça os benefícios do software para atacadista da Alterdata

4 Mins de leitura
Acompanhamento de vendas em tempo real e estoque equilibrada são algumas das características do software para atacadista da Alterdata.
AtacadoVarejo

Vale a pena adquirir um programa para atacado e varejo?

4 Mins de leitura
Programa para atacado e varejo: saiba mais sobre essa solução e se ela realmente deve ser implantada no seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.