ContabilidadeDicas Alterdata

3 dicas de como declarar PGDAS da sua empresa

4 Mins de leitura

Você sabe como declarar PGDAS da sua empresa?

Essa funcionalidade ajuda os negócios a fazerem o cálculo dos tributos a serem pagos de maneira eficiente.

Desse modo, é fundamental conhecer o PGDAS. Afinal, a plataforma é uma grande aliada na gestão de tributos da sua organização.

E quando o assunto é empreendedorismo, sabemos a importância de uma boa gestão financeira, certo?

Pensando na importância desse tema, neste conteúdo abordaremos o que é PGDAS e quem pode utilizá-lo.

Além disso, vamos mostrar a importância de pagar os tributos em dia e como declarar PGDAS-D do seu negócio.

Continue com a gente!

O que é o PGDAS-D?

O PGDAS-D faz referência ao sistema disponibilizado no Portal do Simples Nacional, totalmente digital.

Por meio dessa ferramenta, os contribuintes têm a oportunidade de calcular os tributos devidos todos os meses no regime Simples Nacional.

Além disso, o PGDAS-D possibilita a impressão do Documento de Arrecadação (DAS).

Quem pode utilizá-lo?

Quem pode utilizá-lo?

As empresas optantes pelo regime tributário do Simples Nacional poderão utilizar o PGDAS para fazer a apuração dos tributos a serem pagos.

Em outras palavras, são destinatárias do PGDAS as Microempresas (ME) ou Empresas de Pequeno Porte (EPP).

No entanto, quem não for optante pelo Simples Nacional poderá utilizar o sistema para a mesma finalidade.

Porém, nesse caso, é necessário informar o número do processo administrativo formalizado.

Isso deverá ser feito em uma unidade das administrações tributárias em âmbito municipal, estadual ou federal.

Qual a importância de pagar os tributos em dia?

Pagar os tributos em dia, por diferentes motivos é fundamental.

Primeiramente, evitam-se penalidades por parte do fisco. Desse modo, a sua empresa não vai precisar arcar com o pagamento de multas.

Além disso, organizações em dia com as obrigações tributárias otimizam a saúde financeira.

Isso acontece porque as companhias, não tendo de arcar com grandes despesas de penalidades, asseguram a liquidez de seus recursos.

Banner eContador Alterdata

Por esse motivo, elas vão ter mais capital para fazer futuros investimentos que visam a expansão do negócio. Entre eles estão a abertura de filiais, a contratação de funcionários, a disponibilização de novos produtos, desenvolvimento de novas campanhas de marketing etc.

Como declarar PGDAS no seu negócio?

O entendimento dos principais passos sobre como declarar PGDAS vai ajudar o seu negócio a cumprir a obrigação tributária com efetividade.

Desse modo, o seu empreendimento vai se livrar de eventuais penalizações e otimizará a gestão tributária.

1. Preenchimento das informações necessárias

O primeiro passo para declarar PGDAS do seu negócio é fazer o preenchimento dos dados necessários. Nesse momento, você vai acessar o PGDAS no campo apuração e, na sequência, vai na opção calcular valor devido.

Depois de preencher todas as informações necessárias só é preciso clicar no botão calcular e posteriormente na opção salvar. Depois do salvamento dos dados, chega-se o momento de clicar no botão transmitir para fazer a transmissão das informações.

Agora, você deve estar se perguntando: como gerar e imprimir o DAS? Nesse procedimento é necessário ir até a opção do menu DAS, selecionar o comando “Gerar DAS”, informar o período de apuração do tributo e clicar em continuar. Após seguir todos esses passos vai aparecer a apuração e o valor devido do tributo.

Por fim, mas não menos importante, é necessário clicar na opção “Gerar DAS” para salvar o DAS no formato impresso ou em PDF. Vale ressaltar que o DAS só pode ser gerado após transmitir os dados que informamos anteriormente e só será possível fazer a consulta do extrato após gerar o tributo.

2. Atentar ao prazo

É fundamental estar atento em relação ao prazo para declarar PGDAS. Os dados referentes aos tributos devem ser transmitidos todos os meses para Receita Federal até a data de vencimento do prazo de pagamento das espécies tributárias do Simples Nacional. Dessa maneira, o procedimento deve ser feito até o dia 20 de cada mês.

3. Retificação

Sabemos que, em alguns casos, algum dado pode ser preenchido de maneira incorreta por algum descuido. A boa notícia é que é possível fazer a retificação da declaração do PGDAS.

Para fazer esse procedimento é necessário acessar o PGDAS-D, ir no menu apuração e, na sequência, fazer o cálculo do valor devido. Depois de seguir esses passos só é preciso clicar no botão salvar e transmitir os dados.

O que acontece se não declarar PGDAS?

As empresas de pequeno porte ou as microempresas que deixarem de prestar informações referentes ao PGDAS no prazo determinado, ou mesmo se tiver algum dado incorreto ou omitido estará sujeita a multas.

A cada grupo de dez informações erradas ou omitidas, as empresas vão ter que arcar com uma multa de R$ 20,00.

Além disso, quem deixar de prestar informações referentes ao PGDAS vai estar sujeito a uma multa de 2% sobre o montante dos tributos relacionados ao PGDAS. Há também a observância da multa mínima que é de R$ 50,00 para cada mês.

Há algumas situações nas quais as multas podem ser reduzidas, observando a aplicação da multa mínima. São elas:

  • Caso a declaração seja apresentada depois do prazo, mas antes de qualquer procedimento de ofício, o valor da multa será reduzido à metade;
  • Caso a declaração seja apresentada no prazo fixado da intimação, o valor será reduzido a 75%.

Como é possível perceber, a declaração correta do PGDAS é fundamental para empresas dos mais variados segmentos de mercado.

Por esse motivo, procuramos compartilhar dicas valiosas com o objetivo de ajudar o seu negócio a cumprir as obrigações tributárias.

Isso tudo de maneira eficaz, para otimizar a saúde financeira do empreendimento.

Nossas dicas de como declarar PGDAS da sua empresa foram úteis para você?

Então não deixe de conferir mais conteúdos relevantes sobre o tema no blog da Alterdata e aprofunde os seus conhecimentos sobre a temática!

Soluções em cloud para acelerar a produtividade e eficiência da equipe
174 Artigos

Sobre o autor
Diretor da Vertical Contábil da Alterdata.
Artigos
Artigos relacionados
AlterdataContabilidade

Alterdata: sistema para empresa contábil com acesso de qualquer lugar!

4 Mins de leitura
Conheça como funcionam nossas soluções para empresa contábil e as vantagens de contar com um sistema de alta performance.
AlterdataDicas AlterdataTecnologia

Validação GTIN: aprenda como fazer em 4 passos

5 Mins de leitura
Veja como é fácil fazer a validação GTIN e conheça as vantagens de utilizar esse código global.
Contabilidade

Vender sem nota fiscal: entenda os verdadeiros riscos para um negócio

4 Mins de leitura
Saiba por que vender sem nota fiscal é um erro que pode comprometer o futuro da sua empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.