#FeitadeGente: Hélios Villaça

Quem conhece o Hélios sabe que essa simpatia toda é capaz de criar amizades onde ele estiver. Ele é nossa inspiração não só para o mês de abril, mas para todos os dias. Alterdata, uma empresa #FeitadeGente

 

A Alterdata foi o pontapé essencial da minha jornada profissional. Foi a primeira grande empresa na qual eu compreendi o padrão hierárquico e a importância que isso representa. Aprendi sobre responsabilidades e todas as consequências das minhas decisões.
Meu relacionamento com os colegas da empresa é algo além-Alterdata. Fiz amigos para a vida aqui dentro, inclusive fiz as primeiras amizades já no processo seletivo.

A diversidade de profissionais dentro da Alterdata, seja por maturidade de trabalho, credo, etnia ou orientação sexual, faz com que você aprenda a respeitar a diferença. Não há como prosperar tendo barreiras entre você e seus diferentes. A gente aprende com a simpatia das tias, conhecimento dos colegas, saber dos diretores – que em seus discursos mostram que não chegaram aqui à toa. É preciso ser humilde, sempre. Se as pessoas querem crescer, pessoal e profissionalmente, estão no lugar certo. Eu estou onde queria estar, e só o tempo vai me mostrar para onde quero ir. Ainda tenho muito o que aprender.” Hélios Villaça – Supervisor de Canais, 4 anos de Alterdata.

 


Sobre a Campanha #FeitadeGente

A campanha visa mostrar o lado mais humano da empresa, tirando aquela imagem que muitos clientes e público externo têm sobre uma empresa de tecnologia (robô, tudo automático etc).
Todas as nossas ações são pensadas sempre no lado humano, no reconhecimento da importância dos colaboradores e, principalmente, entendendo que não somos máquinas.

Nossa frase de apoio à campanha é “o maior investimento da Alterdata é em tecnologia humana”, mostrando mais uma vez que valorizamos as pessoas.

Queremos mostrar que somos mais que empresa, somos humanos.

Related Posts

Por que automatizar sua escrituração fiscal?

Alterdata Software investe em startups de funcionários

Monitoramento de áreas comuns: como fazer em...

Deixe uma resposta